Publicado por: Nuno Gouveia | Abril 21, 2008

Fúria suicida

Eu tenho poucas dúvidas que John Mccain é um homem feliz por estes dias. Se há um ano atrás lhe tivessem dito que seria o líder do Partido Republicano e que as sondagens lhe eram tão favoráveis, talvez ele mostrasse reticências perante esse cenário.

Em primeiro, porque ninguém acreditaria que os democratas ainda não tivessem a sua contenda por decidir. E, com o actual contexto, poucos acreditariam que em Abril o candidato republicano estivesse empatado virtualmente com o candidato republicanos.

A campanha negativa e agressiva entre os opositores democratas é um bónus que Mccain agradece. Independentemente do nome do adversário Democrata, os estrategas republicanos já têm bastante material de “ataque” para a campanha de Novembro, com o benefício de ter sido providenciado pelos próprios democratas. O reverendo Jeremiah Wright, o “bittergate” ou a Bósnia farão as delícias dos anúncios negativos de Mccain.

Não tenhamos ilusões: John Mccain é o melhor candidato que o GOP poderia apresentar nestas eleições, mas, em condições normais, seria varrido nas eleições gerais. A incompetência democrata está a oferecer a Mccain a possibilidade de suceder a George W. Bush. Eu acredito que Obama vai ser o candidato democrata, não amanhã, mas em Junho. Se os republicanos conseguirem mostrar Obama como mais um liberal sem experiencia na arena política, o novo Presidente dos Estados Unidos poderá ser eleito com os chamados “Mccain Democrats”. Atenção a este cenário.

Advertisements

Responses

  1. Nuno depois dê uma olhada nessa notícias:

    Obama fez gesto obsceno quando falou de Hillary

    Dei uma olhada na imagem e na circunstância, e não vi nada demais, mas segundo o colunista isso pode virar um próximo escândalo e já é analisado por vários colunistas dos EUA

    Veja:

    http://sergiodavila.blog.uol.com.br/arch2008-04-16_2008-04-30.html

  2. O cenário do acantonamento de Obama para a fileira ultra liberal de esquerda, com o acréscimo de não ter experiência, pode ser, de facto, um enorme filão para McCain.

    McCain era o único republicano concorrente com hipóteses em Novembro, e o GOP, de forma pragmática (e com sorte, pois foi também por falta de alternativas, erros de Guiliani e a melhoria no Iraque que ajudaram McCain…) escolheu o mais competitivo com os democratas, pelo facto de apelar aos independentes.

    Os democratas terão que provar que McCain é conservador, não sente apelo para os temas económicos e lembrar a sua idade…

    Se a economia continuar a derrapar e o Iraque piorar, McCain continuará com a vida muito difícil.

    Acontece que não acredito na solidez de Obama, mas isto é um mero sentimento…

    Miguel Direito


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: