Publicado por: Nuno Gouveia | Julho 22, 2008

International Tour’08


Depois de ter visitado o Iraque e Afeganistão, Barack Obama está na Jordânia, e a sua campanha revelou os detalhes da agenda dos próximos dias.

Hoje deu uma conferência de imprensa no centro histórico de Amã, juntamente com os seus companheiros de viagem, os senadores Chuck Hagel e Jack Reed. Ainda hoje estará reunido com o Rei Abdullah II, e acabará o dia com um jantar com Reed, Hagel, responsáveis americanos no país e ainda uma comitiva jordana, liderada pelo próprio Rei.

Irá pernoitar já em Israel, onde amanhã terá encontros oficiais com diversos responsáveis da política israelita, como Shimon Peres, Ehud Olmert ou Benjamin Netyanhu. A parte da tarde será ocupada com uma visita a Ramallah, onde vai encontrar-se com o presidente da Autoridade Palestiniana, Mahmoud Abbas e o Primeiro-Ministro, Salam Fayyad. Irá ainda visitar o Museu do Holocausto e ainda a cidade fronteiriça de Sderot, uma das cidades de Israel mais “fustigadas” por ataques terroristas. Este será certamente um dia com uma agenda carregadíssima, e muito importante para o sucesso desta digressão.

Na quinta-feira, Obama parte para a Alemanha, onde vai reunir-se com a Chanceler Angela Merkel e o Ministro dos Negócios Estrangeiros, Frank-Walter Steinmeir. Merkel já criticou alguns aspectos desta visita, nomeadamente a possibilidade do discurso de Obama realizar-se na Porta de Brandenburgo, onde tiveram lugar os discursos históricos dos Presidentes Kennedy e Reagan. Obama mudou o local e irá estar na Coluna da Vitória, onde fará o discurso mais importante desta viagem, sobre as relações transatlânticas. Este evento será na prática um comício, sendo esperadas milhares de pessoas. Será o momento alto de Obama na Europa. Veremos como serão recebidas as imagens nos Estados Unidos. É provável que Obama vá usar este encontro para promover a sua imagem de estadista.

Na sexta-feira de manhã, Obama viajará para Paris, onde estará com o presidente Nicolas Sarkozy. O resto do dia será passado em Londres, onde terá encontros com o Primeiro-Ministro Gordon Brown, com David Cameron, líder dos Conservadores e ainda com Tony Blair. Regressa a Chicago no sábado.

Acrescento ainda que os jornalistas Katie Couric, Charles Gibson, and Brian Williams, da CBS, ABC e NBC, vão entrevistar o senador Obama ao longo desta digressão. Hoje foi a vez de Couric.

Os dias mais importantes desta visita serão quarta e quinta-feira. Mas a cobertura noticiosa que está a ter nos Estados Unidos está a ser vantajosa, com a campanha de Mccain a fazer o possível para ocupar algum do espaço mediático. O rumor que poderia ser esta semana o anúncio do nome de VP poderá estar incluído nesse esforço. Veremos como serão encaradas as imagens de Israel ou Berlim nas televisões americanas. Mas esta não é uma boa semana para o candidato republicano.

Anúncios

Responses

  1. Parece-me que seria muito má estratégia de McCain anunciar o seu VP durante a tour de Obama. Isto porque a tour será muito mais mediática que o nome de VP, o qual só é importante em alguns casos. O ideal é esperar pelo fim da campanha e, em vez de deixar os media fazer o balanço da mesma, colocá-los a fazer a análise da escolha do VP. Desta forma McCain reduziria substancialmente o impacto das visitas de Obama.

  2. Concordo. E nota-se que foi uma “armadilha” que Mccain terá lançado para obter algum espaço nos media. O mais provável é que espere pelo anúncio de Obama


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: