Publicado por: Nuno Gouveia | Agosto 21, 2008

Obama na ofensiva

O fim das férias no Hawaii marcou o início de uma nova estratégia por parte do candidato democrata. Os anúncios negativos sucedem-se na campanha de Obama. Primeiro explorou a ligação de John Mccain a Ralph Reed, que esteve envolvido no escândalo de Jack Abramoff, e que organizou recentemente uma sessão de angariação de fundos para Mccain na Geórgia. E hoje, Obama criticou Mccain por ter respondido que não sabia quantas casas tem. Este anúncio é o quinto consecutivo negativo dos últimos dias.

Isto significa que Obama decidiu partir para a ofensiva, num feito inédito nesta campanha. Mesmo nas primárias, e quando Hillary Clinton surgia muito agressiva, Obama sempre foi cauteloso e poucas vezes entrou na campanha negativa. Mas as recentes sondagens, aliadas ao conhecimento que o seu staff tem da política norte-americana, forçaram-no a abraçar esta estratégia. Veremos quem poderá ganhar esta batalha negativa!

Adenda:

A campanha do senador Mccain já respondeu com declaração de guerra.

Anúncios

Responses

  1. Efectivamente essa eleição assume claramente contornos atípicos: dois concorrentes que se afiguram quase outsides nos seus respectivos partidos , pois os mesmos não dominam cabalmente a máquina partidária que os suporta.

    Obviamente, com a escolha dos respectivos VPs e as nomeações asseguradas haverá uma maior dinâmica nesta campanha Presidencial, envolvendo mais os partidos e os seus respectivos candidatos.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: