Publicado por: Nuno Gouveia | Agosto 25, 2008

A união

A Convenção de Denver terá dois objectivos fundamentais: Apresentar Barack Obama e a sua família ao povo americano e convencer os apoiantes de Hillary Clinton reticentes em votar no candidato democrata. Se o primeiro objectivo afigura-se relativamente fácil de cumprir, o segundo será bem mais difícil. Apesar de Hillary e Bill Clinton terem papeis importantes nesta convenção, têm surgido notícias alarmantes. Acredito que o casal Clinton irá discursar de forma convicta em favor de Barack Obama. E apelarão à unidade do Partido. Mas se não tenho dúvidas sobre a autenticidade destes pedidos, tenho dúvidas sobre a sua eficácia.

E por falar em União, o Senador Ted Kennedy, que está a recuperar de um cancro, e não tinha prevista a sua aparição na Convenção, está em Denver e é provavel que discurse logo à noite. E será um grande tónico para a Convenção, ele que é uma das figuras mais emblemáticas do Partido Democrata dos últimos 40 anos.

Advertisements

Responses

  1. Nuno
    Os discursos serão transmitido pela internet?
    Ou só nas TVs Americanas

  2. Caro Nuno
    Agradeço-lhe a sua cobertura, que me tem sido muito útil.
    A escolha do vice de Obama é apenas marketing político.
    Acertei no perfil, como se lembra. Nunca uma mulher nem outra minoria. Um branco, cabelos brancos, experiente, com competência em política internacional.
    Biden vai apenas cumprir as lacunas do perfil de Obama. É uma mera escolha de marketing político, o que diz muito sobre Obama.
    Com um problema, como lhe revelei no http://www.dofundodacomunicacao.blogspot.com e que volto a reproduzir hoje, citando o seu blog.
    Biden apoiou McCain como possível vice de Kerry e fora os disparates do costume vai ser utilizado como publicidade negativa em televisão.
    Não dá votos, nem tira. Certo.
    Mas mais grave: tira ânimo (aos Democratas, sobretudo aos apoiantes de Hillary) e força à mensagem de mudança.
    Um abraço

  3. A Convenção Democrata vai ser uma réplica em grande escala do que constumam ser os congressos do psd.

  4. Concordo com o Silas quando diz : “ … ele (.Biden) consegue impor algum respeito aos republicanos [ e dentro do seu segmentado partido] e despoletar uma certa imagem de tranquilidade e segurança ao americano, grosso modo.”

    “Foi uma posição realística e de unidade, pois não se pode injectar dinâmicas de mudanças no vazio, sobretudo no actual contexto americano de pendor claramente “conservador”.

    Mais : “A “dinastia kennediana” terá jogado um papel crucial nesta escolha apertada de Obama, possivelmente”.

    Assim sendo, os Kennedys (ao contrários dos Clintons) consolidaram as suas posições junto do partido e ganharam uma maior credibilidade e visibilidade junto do Americano que sempre apostaram no chamado «destino manifesto».

  5. Leandro,
    Parece-me que o site da convenção dará em streaming. Mas vou fazer um post sobre isso.

    Caro Rui Calafate,

    Sem dúvida Sam Nunn tem o perfil igual ao de Biden. Nisso estava correcto. A única diferença é que Binde ainda está no activo, e talvez tenha sido que o tornou mais atractivo para Obama. E concordo, que a opção Biden coloca ainda mais entraves à união, o que aconteceria sempre, pois Obama não pretendia escolher Hillary. Veremos como HRC e Bill Clinton se “safam” na Convenção. Será um dos aspectos mais interessantes desta convenção. As palavras serão elogiosas, mas veremos como serão interpretadas, e mais do que isso, como se comportarão os milhares de apoiantes de HRC na Convenção.

    Dick Morris, que gosta pouco de Bill e Hillary Clinton, defendeu que o seu objectivo é que Obama seja derrotado. Já é conhecido o seu veneno sobre o casal Clinton, mas às vezes também acerta…

  6. O Aberto levanta uma questão interessante, pois tem a ver com a famosa expressão, « Destino Manifesto » ( Manifest Destiny) , intimamente associada ao povo americano, cujo prolongamento se revela hoje sob a forma do combate ao “terrorismo internacional”.

    Ora, a mudança prometida pelo Obama , ancorada no forte apoio de Kennedy, será apenas mais uma eleição Presidencial (prolongamento do mais do mesmo) ou uma genuína mudança de paradigma na ideologia americana (esvaziamento da bolha do Manifest destiny) que começa com a sua almejada eleição.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: