Publicado por: Nuno Gouveia | Novembro 5, 2008

A vitória da democracia americana

1735722129_b9dd860454

A vitória de Barack Obama é incontestável. Numa campanha eleitoral verdadeiramente fantástica, que durou quase dois anos, o agora presidente eleito demonstrou ser o mais capaz para o cargo. Inspirou milhões de americanos a envolverem-se no processo político, e só por isso, já demonstra bem o carácter revolucionário desta conquista. Não resumiu a sua vitória aos estados tradicionalmente democratas, e conquistou importantes bastiões republicanos, como o Indiana, Virgínia e Carolina do Norte.

A política só faz sentido se as pessoas sentirem que vale a pena envolverem-se, lutarem e trabalharem por ela. Obama conseguiu ter um verdadeiro exército de milhões de voluntários a trabalhar para a sua eleição. Em menor número, também John Mccain teve milhões de pessoas a colaborarem na sua campanha. E este envolvimento do cidadão comum na actividade política é um sinal da força da sociedade americana. Não são os partidos que mandam na política, mas sim as pessoas. Não os aparelhos partidários, que apenas procuram vantagens financeiras ou profissionais. Mas sim as pessoas que acreditam nos candidatos, que sem nada em troca, dedicam o seu esforço e dedicação a uma causa. Os mais de quatro milhões de americanos que contribuíram financeiramente para os candidatos são uma prova viva que ainda há pessoas que acreditam na política. E isso nos tempos cínicos em que vivemos é um indício da vitalidade da sociedade de americana.

Esta vitória de Obama foi também uma derrota daqueles que duvidaram da força e do carácter da democracia americana. O seu dinamismo reside na vontade e na perseverança dos seus cidadãos. Ao contrário do que muitos apregoaram nos últimos anos, quem escolhe os seus líderes são os eleitores, e um país que elege um presidente negro, membro de uma minoria étnica, merece todo o crédito democrático. E pergunto eu, quantas democracias ocidentais estariam preparadas para este passo?


Responses

  1. Aproveitei o silêncio das salas e toquei mp3 bem alto no meu escritório para todo mundo ouvir American National Anthem versão capela com Whitney Houston.

  2. SÃO NOVAS DINÂMICAS DE MUDANÇAS TRANSFORMADORAS POSITIVAS PARA A AMÉRICA E PARA O MUNDO, OBVIAMENTE

  3. Nuno,

    Em primeiro lugar PARABÉNS!
    E um sincero Obrigado pelo seu notável trabalho.

    Esta vitória, é a vitória de que vale a pena vivermos a defendermos um Ideal, o Ideal da Democracia. A Absoluta Igualdade de direitos em Género, Raça ou Credo!

    As demais Democracias Ocidentais teriam esta
    força, coragem e vontade? Duvido…no entanto parece terem delirado com esta eleição. Gostaria de acreditar que elas se orgulhariam de que o fenómeno fosse repetível, por exemplo aqui na Europa.

    Apesar de a minha escolha numa outra fase ter
    sido a senadora Clinton,
    rapidamente me apercebi de que a melhor escolha na conjunctura que todos os dias se ia dramaticamente degradando, era Obama em
    contraponto à loucura Bush e à insensatez republicana, (tanto para o povo Americano bem como para o equilíbrio do resto do Mundo). Embora em Maccain me agradasse o estatuto de out-sider do partido Republicano.

    Ontem o resto do Mundo sentiu-se um pouco Americano…
    e fez-se HISTÓRIA!

    FELIZMENTE ESTAVA VIVA E SINTO-ME ORGULHOSA POR FAZER PARTE DA GERAÇÃO DE OBAMA!

    Agora começa o momento da verdade de Obama,
    e a sua extraordinária capacidade de empolgar tem de ser igual à capacidade de arregaçar as
    mangas e começar um verdadeiro trabalho de Hércules e quem sabe uma verdadeira Iniciação para a Humanidade e tomarem nas mãos o futuro da exequibilidade do Planeta. Pois os tempos que se avizinham (espero não ser uma mais uma cassandra), serão muito difíceis e com muitas surpresas.
    Mas…será isto possível?
    Quero muito acreditar que sim.

    Aqui em Portugal têm a mania de ao fim de 100 dias começarem os balanços, mas cada dia deste mandato será um desafio, uma verdadeira Iniciação.
    Cem dias não chegarão para se aferir algo de muito concreto.

    A si Nuno,

    Espero que não nos deixe órfãos e consiga arranjar tempo para irmos trocando e aprendendo
    experiências.
    Para mim foi um imenso prazer, pois aprendi muito de outras diferentes realidades.

    Obrigada!

    Que a sua tese seja um êxito!

    Abraços fortes a todos!

  4. Cara Maria,

    Obrigado pela suas palavras.
    Esta campanha foi de facto elucidativa do vigor e da força da sociedade americana. E diria-o na mesma caso o resultado tivesse sido outro. Uma democracia é feita de escolhas, e o povo americano escolheu Obama. Um novo tempo virá para a América e para o mundo.

    Temo que as expectativas estejam demasiado elevadas, e será impossível daqui a quatro anos não haver alguma desilusão em alguns sectores. Mas um Presidente dos EUA, não pode agradar a todos. Isso seria impossível.

    Espero que consiga liderar os EUA e o mundo nestes tempos difíceis. O discurso de Obama ontem foi elucidativo. Quem desejar paz terá um amigo na América, mas os seus inimigos serão combatidos. E é isto que se espera de um líder. Que defenda a liberdade, a democracia e a paz, mas sem pactuar com os seus inimigos.

    Por outro lado, a crise económica agudiza-se. Espero que Obama, juntamente com os líderes das outras nações consigam encontrar os mecanismos correctos de continuar a lutar pela melhoria do mundo. Não será fácil.

    Por outro lado concordo consigo quando fala da Europa. E vejamos o nosso país, por exemplo. Os líderes dos partidos políticos são pessoas que fizeram toda uma carreira politica, deputado, secretário de estado, ministro e lideres partidários. Quando surge uma novidade na vida política, é logo apelidado de inexperiente e imaturo, e afastado da ribalta. Não será tempo de darmos espaço a novos líderes geracionais de tomar conta do nosso país, quando é notório que a geração que está no poder não serve?


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: